"Educação não transforma o mundo. Educação muda pessoas. Pessoas transformam o mundo." – Paulo Freire



terça-feira, 29 de julho de 2014

Informe da Estadual do SINTE

Eleições de 2014 não impedem a realização da Campanha “BASTA Colombo”

O SINTE/SC esclarece que, mesmo no período das eleições gerais de 2014, é permitida a divulgação da campanha “Basta Colombo”, em camisetas, panfletos e meios virtuais, tais como blogs, sítios de relacionamento e e-mails. Importante lembrar que a categoria do magistério já trava um embate político, principalmente, em torno da aplicação do Piso Nacional do Magistério e a valorização profissional, antes mesmo do início da atual administração do Estado. Os fatos decorridos dos últimos anos demonstram intenso confronto de posicionamentos, entre o SINTE/SC e o governador do Estado, que não encontraram solução.
O Sindicato, por sua vez, tem utilizado todos os meios de comunicação disponíveis, a fim de esclarecer a população de Santa Catarina quais os motivos das reivindicações por melhoria da remuneração e das condições de trabalho. O debate, portanto, não tem qualquer cunho eleitoral, até porque os interessados não têm uma definição partidária específica e identificada. Por isso, o slogan “Basta Colombo” não pode ser entendido com a finalidade de atingir a imagem de um candidato e prejudicar-lhe, no processo eleitoral.
É nítida a intenção do SINTE/SC, levar à comunidade, um problema político atinente à categoria do magistério, o qual ultrapassa o processo eleitoral. O Sindicato faz críticas à atuação do governador, na condução da política de remuneração e benefícios funcionais do magistério, mas, em momento algum, a campanha estimula o eleitor a votar, ou deixar de votar, em determinados candidatos. Também, não se pode esquecer que a Constituição Federal assegura a liberdade de manifestação e do pensamento, condição essencial para que as entidades sindicais e os cidadãos possam ter a atuação política em um regime democrático.
O SINTE/SC orienta os trabalhadores do magistério a prosseguir a campanha “Basta Colombo”, e repudiar as intimidações e constrangimentos sofridos em locais públicos e de trabalho. Vale nunca esquecer que a violação do direito de livre expressão e manifestação deve ser comunicada ao Ministério Público e ao Sindicato, para que possam ser tomadas as providencias cabíveis ao caso.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Encerra amanhã a segunda etapa do Curso sobre Marx

Encerra amanhã (26/07) a segunda etapa do Curso sobre Karl Marx, do qual as professoras Zigue Timm e Josiane Damaceno, da Regional do SINTE de Chapecó, participam, em Veranópolis (RS). Também, participa do curso, a assistente social Rosangela Hunnig, representando o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Chapecó e Região.
O importante evento acontece no Instituto de Educação de Veranópolis, no Rio Grande do Sul. A etapa do Curso de Introdução Sistemática à Obra de Karl Marx – Turma Região Sul - está tratando sobre Contribuição à Critica da Economia Política, Trabalho Assalariado, Capital, Salário, Preço e Lucro.
 
 
 
 

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Informe da Estadual do SINTE

A pedido do SINTE/SC FCEE altera edital do concurso de ACTS 14/15

Após vários anos de diálogo sobre o tema, bem como os inúmeros questionamentos recebidos pelo SINTE dos trabalhadores interessados em ingressar no educandário, o SINTE solicitou a Fundação Catarinense de Educação Especial – FCEE que alterasse o Edital 007/2014, nos itens 4.8.1 e 4.8.2, que trata sobre a formação mínima exigida para que os candidatos sejam considerados habilitados.
Diante do pedido, após análise, a FCEE decidiu alterar o edital. O Coordenador do SINTE/SC Luiz Carlos Vieira explica o assunto:

Jornal Brasil de Fato - edição 595 - de 24 a 30 de julho/2014

Basta Colombo!

Basta Colombo!

Filie-se ao SINTE/SC: Juntos, somos mais fortes!

Filie-se, diretamente, ao SINTE/SC - imprima e preencha a ficha de filiação abaixo, anexa uma cópia do seu contracheque, e encaminhe à Regional do SINTE:

Fique por dentro